Juras de Amor

Nas incertas linhas da vida
Encontro encantos nunca vistos
E me revisto de tão belo
Sentimento resguardado
À espera de um encontro
Inusitado...

Levo-te ao altar de velas
E festas, e flores
E véus, e grinaldas
E céus...
Um céu inteiro;
Seu e meu...
Um céu completo
Repleto de estrelas e sonhos...

Fazemo-nos juras de amor eterno!
Corôo-te rainha,
Dás-me a brandura de teu olhar!
Recebo-te por mulher
E luz de meus passos!

Despojo-me da rudez de homem
E a aceito sublimemente
Com teus encantos
Com teus defeitos
Com teus desejos...

Juro-te ser fiel a cada hora,
Buscando sempre amar-te a cada dia
Sem a desilusão de perder-te
Ou deixar perder
O sentimento que hoje me devora...

Faço votos e juramentos
Tendo DEUS por testemunha
De minhas boas intenções
E prometo a cada dia,
A cada raiar de sol
Dedicar-lhe amor absoluto,
Tendo em ti, meu encanto em viver!

Comentários

Postagens mais visitadas